Notícias

Bolsas para carentes

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) e o secretário da Educação, Gabriel Chalita, lançaram ontem o Escola da Juventude, programa para o supletivo do ensino médio, e anunciaram novidades. Entre elas está a concessão de uma bolsa mensal de R$ 60 durante um ano para auxiliar os alunos carentes, desde que comprovem a assiduidade na escola.

O programa, que pretende atingir 30 mil alunos, prevê aulas somente aos finais de semana, com uma carga mínima de quatro horas. O curso será dividido em três atividades: aulas presenciais ministradas por estudantes universitários, de inclusão digital (com computadores ligados à internet) e por videoconferência. O novo projeto começará em 5 de março, em 300 escolas da rede estadual. Para se inscrever, é preciso ter concluído o ensino fundamental, ter entre 18 e 29 anos (preferencialmente) e levar RG e histórico escolar a uma das escolas participantes entre 2 e 28 de fevereiro. Para saber quais são as escolas que participam do projeto, ligue 08007700012.

Vote neste item
(0 votos)

  • Website: www.chalita.com.br
  • Email O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Publicidade