Notícias

Mais de 600 educadores e estudantes baianos participaram de palestras, de Gabriel Chalita, na Universidade Estácio de Sá, em Salvador. No primeiro encontro, com professores universitários, foi ressaltada a importância do desenvolvimento de uma nova linguagem entre professor e aluno, em que exista espaço para a manifestação da essência e da boa convivência. Durante a apresentação, Chalita falou, também, sobre o papel do professor como intermediador do conhecimento: "O professor não é apenas um facilitador do processo da aprendizagem. O professor é um instigador. Faz com que o aluno revele o seu melhor."

Gabriel Chalita participou da XIV Semana Jurídica da Unip, de Santos, com a palestra “A ética na construção do conhecimento”, dirigida a alunos e docentes do curso de Direito da universidade. Para fundamentar essa temática, recorrente na filosofia e relevante no cotidiano, Chalita, desde o início da palestra, explicou o conceito de ética a partir da semântica de três palavras: verdade, dignidade e generosidade.

Professor, educador, escritor e deputado federal, Gabriel Chalita esteve em Santa Catarina falando no 33º Encontro Estadual do Ministério Público. Falou sobre a importância da educação como princípio da dignidade humana. Foi aplaudido de pé. Foi o mais votado nas eleições de 2010, mas desistiu de concorrer. Convidado, fará a conferência de abertura da Feira do Livro de Frankfurt, em outubro. Depois, vai à China tratar da tradução de três de seus livros. Em Balneário Camboriú, concedeu a seguinte entrevista:

Página 6 de 326

Publicidade